20 Apr 2024

Os amantes da boa gastronomia já estão prontos para uma maratona de experiências saborosas. De volta em sua 32ª edição, a São Paulo Restaurant Week acontece de 19 de abril a 19 de maio em mais de 160 restaurantes renomados da capital paulista e de diferentes cidades da Grande São Paulo. Durante o festival são oferecidos menus completos (com entrada, prato principal e sobremesa) a preços fixos de R$ 54,90 a R$ 149,00. Em um mês, pratos dos mais variados tipos de cozinha podem ser degustados, desde a tradicional comida brasileira, passando pela italiana, japonesa, contemporânea, argentina, mediterrânea e francesa, passando pelos temperos marcantes da cozinha asiática, até os pratos autorais.

 Com o tema, “Revolução Vegetariana”, o evento incentiva os restaurantes participantes a trazer opções de pratos vegetarianos em seus menus week, para que o público tenha a oportunidade de refletir sobre o seu consumo e o impacto de suas escolhas diárias no mundo. "Nosso objetivo é democratizar a boa gastronomia. Assim, as pessoas têm a chance de saborear pratos genuínos e culturais nos restaurantes que sempre tiveram vontade de visitar. Tudo isso por um preço fixo e em uma experiência completa e singular", explica o idealizador da Brasil Restaurant Week, Fernando Reis

 “Em um grupo de amigos sempre tem uma pessoa vegetariana, vegana ou flextariana”, explica o sócio-fundador da AGN Consultoria e Negócios - especializada em alimentos plant based - Alberto Gonçalves. “O canal food service, entre eles os restaurantes, precisa estar preparado para atender o público que busca pratos sem proteína de origem animal”, acrescenta. De acordo com ele, com as inúmeras opções de alimentos análogos à origem animal, como ovo, carne de boi, de frango, embutidos, muitos produtos lácteos e até camarão, o Brasil já atende a demanda dessa população, no entanto, a criatividade dos chefs também precisa ser levada em consideração na criação de pratos com alimentos fresh food, por exemplo. 

 Para garantir as melhores experiências, o festival conta com quatro categorias de menus no almoço e/ou jantar:

Tradicional: R$ 54,90 no almoço e R$ 69,90 no jantar.

Plus: R$ 68,90 no almoço e R$ 89,90 no jantar.

Premium: R$ 89,00 no almoço e R$ 109,00 no jantar.

Diamond: R$ 109,00 no almoço e R$ 149,00 no jantar.

 

Restaurantes Participantes

São 161 casas confirmadas por toda a capital paulista e a Grande São Paulo, que deixam a maratona gastronômica ainda mais saborosa. 

Menu Tradicional: Antipasti Amici, Bentoo Restaurante, Bistrô Faria Lima, Bite box - innside by Meliá São Paulo Itaim, Casa Brasileira Amazônia, Chez Vous, Cicci, Duas Terezas, Due Amici Cantina, Empório São João, Harrys Restaurante, Le Chuchu Bistrô Vegano, Macaxeira - unidades: Itaim, Moema, Morumbi, Perdizes, Pinheiros, Vila Mariana, Mestre Cervejeiro Pompéia, Othê Paellas Pepe, Pina, Pizzaria Paulino - Alameda Franca, Prime Beef, Ripito Cafeteria.

Menu Plus: Abbraccio - unidades: Anália Franco, Bourbon Shopping, Center 3, Lar Center, Market Place e Vila Olímpia, Atithi Indiano, Bawarchi Indiano, Brodo Ristorante, Café Journal, Califa Fresh Food - Brooklin, Calle 54 - unidades: ABC, Ibirapuera, Jardins e Plaza Sul, Camarões Restaurante. Cantón Moema e Pompéia - Comida Peruana & Chinesa, Cantón, Casa Dom Bernardo, Cena, Cervejaria Holy Water, Coco Bambu - unidades: Alphaville, Anália Franco, Anhembi,Granja Viana, Guarulhos, Haddock Lobo, JK Iguatemi, Market Place, Osasco, Santo André, São Bernardo, SP Market, Conceito - Eldorado, Conceito - Pátio Paulista, Condimento Café, Cuattro Estações, Dona Carmela, Em Brasa Bar & Parrilla, Filomena Café Bistrô, Forneria Maiori, Graça di Napoli, Guinza Sushi, H2 Club, Handz by Rodrigo Einsfeld - Itaim Bibi e Santana, Kofi & Co, L'Entrecôte de Paris - Itaim e Jardins,  La Fortuna, La Paella, La Parrilla, La Pasta & Formaggio, La Pergoletta - Campo Belo Itaim Bibi e Tatuapé, La Piadina Cucina Italiana, Macondo Raízes Colombianas, Malibu Park - Aclimação, Santo André e Vila Madalena, Matriz Bar & Choperia, Meliã - Restaurante Novedad Tatuapé, Misoya Rámen, OCA - Soluções Gastronômicas, Paella Rio Sampa, Pandan, Pato Rei - Berrini, Pato Rei - Pinheiros, Pecorino Plaza Sul, Rebouças e Tietê, Philippe Bistrô, Quattrino, Raizes Nordestinas, Rizz Restaurante - Moema, Sanremo, Sweet Mamma, Tappi Cozinha e Vinho, Tato Mar & Grelha, Tea Connection - Itaim Bibi, Jardins e Vila Madalena, Thaitai Brasil, Urban Café Journal, Verissimo - Pergamon Hotel, Viareggio Ristorante, Vino! Pinheiros, Zain Cozinha Árabe - Tatuapé.

Menu Premium: Aguzzo Cucina Italiana - Jardins e Moema, Bambu | Restaurante, Banana Verde, Bistrô L'Hotel, Braza, Buenas Carnes e Pasta, Cantina da Conchetta, Cão Veio - Alphaville,Tatuapé, Vila Madalena e Vila Mariana, Cipórestô, Daje Roma, De La Paix, Dibaco - Perdizes e Vila Nova Conceição, Don Carlini, Empório do Tuga, Foglia, Forneria San Paolo, GDM Thai, Gran Via by Meliá Paulista, Hub Food Art & Lounge, Il Piatto, La Coppa Ristorante, Marialva Cozinha Portuguesa, Pasta Nostra, Portucho, Quadrado Restaurante, Radisson Pinheiros, Rendez-Vous, Reserva Rooftop, Sassá Sushi, Spaghetti Notte, Taste It, Terraço Jardins, Varanda D.INNER Faria Lima, Varanda Jardins, Varanda JK Iguatemi, Vasto - Haddock Lobo, Venâncio, Vicoboim, Vino! Jardins.

Menu Diamond: Ecully, Jacarandá, Torero Valese.

 

Ação social

Fazer o bem e promover transformação social já é uma tradição da São Paulo Restaurant Week. A cada menu vendido durante o festival, é estimulada a doação de R$ 2,00 para o Projeto Chef Aprendiz, que aposta na gastronomia como ferramenta para capacitar jovens entre 17 e 20 anos em situação de vulnerabilidade social. 

 “É muito importante para nós, que fomentamos o mundo da gastronomia, ajudar a criar novos chefs e impactar a vida de jovens que estão em situação de vulnerabilidade social. Ao aproximar, principalmente, as crianças e os adolescentes de boas oportunidades, preenchendo os períodos com atividades e práticas saudáveis, contribuímos para que se tornem mais autossuficientes, também melhorando as condições das famílias e das comunidades nas quais estão inseridos,” diz Fernando Reis.

 “Ser projeto social beneficiado pela 32ª São Paulo Restaurant Week nos dá a possibilidade de aumentar a nossa rede, tanto com restaurantes que participam conosco da capacitação de centenas de jovens, quanto com milhares de pessoas que se deliciam durante o festival gastronômico,” afirma Beatriz Mansberger, fundadora do Chef Aprendiz. Saiba mais sobre o projeto em: @chefaprendiz

 

O recém-reinaugurado Teatro Paulo Machado de Carvalho, em São Caetano, vai ter noite de gala, neste sábado (20) de abril. O maior teatro do ABC, com capacidade para mais de mil espectadores, recebe 19 escolas, performers e grupos de dança da cidade, que apresentarão coreografias diversas - do clássico ao contemporâneo - por suas bailarinas e bailarinos.

O evento terá início às 19h30. Participam da “Gala de Dança”: + Uma Companhia, Alexandre Lindo, A3 Espaço de Dança, Centro de Dança Paula Sanches, Cia Dança Libre, Contexto Cia de Dança, Escola Municipal de Bailado Laura Thomé, Escola de Ballet Sandra Amaral, Fundação das Artes de São Caetano do Sul, Grand Adage Studio, Grupo Coreográfico Gustavo Carvalho, Grupo Experimental Sapateia, KAJ Centro de Dança, Luana Norce Escola de Dança, LuRez Studio de Dança, Movimentação Ballet Diva Thomé, Mompê Escola de Dança, Núcleo STANZZA, e Studio Arte e Dança.

O Teatro está localizado à Alameda Conde de Porto Alegre, 840, bairro Santa Maria, em São Caetano. A entrada é 1 kg de alimento não perecível, que deverá ser entregue no local, antes do início do espetáculo. O total arrecadado será doado ao Banco de Alimentos do município.

Última modificação em Quinta, 18 Abril 2024 10:48

O vereador e líder de governo Gilberto Costa (PP) solicita à Prefeitura de São Caetano a instalação do Wi-Fi dentro das seguintes unidades hospitalares: Hospital Municipal Euryclides de Jesus Zerbini, Complexo Hospitalar Márcia Braido e Maria Braido e Hospital Municipal de Emergências Albert Sabin.

Com a instalação do serviço de internet Wi-Fi nas unidades acima descrita trará uma série de benefícios significativos, tanto para os funcionários quanto para os cidadãos que utilizam os serviços oferecidos nesses locais.

O Wi-Fi permitirá que os cidadãos e funcionários desses hospitais municipais, acessassem informações online, de forma conveniente, o que pode incluir documentos, formulários, comunicados relevantes, informações sobre pacientes e munícipes, entre outros recursos úteis.

Segundo Gilberto, com o acesso à internet, os funcionários podem buscar informações instantâneas, para ajudar os cidadãos com suas consultas e solicitações. Isso pode agilizar o processo de atendimento e reduzir o tempo de espera.

“Disponibilizar Wi-Fi gratuito pode melhorar a experiência geral do usuário dos serviços de Saúde, existentes nessas unidades de saúde, tornando os respectivos ambientes mais acolhedores e confortáveis, para os cidadãos que aguardam atendimento ou realizam tarefas administrativas”, ressalta o parlamentar.

Costa também destaca a importância da instalação do serviço de Wi-fi no Atende Fácil e Atende Fácil Saúde. “Fcilitaria a acessibilidade dos serviços públicos oferecidos e Contribuiria para uma experiencia mais positiva. Acredito que o acesso ao Wi-Fi nesses locais supracitados é imprescindível para os funcionários e usuários. Eles podem compartilhar informações importantes e acessar recursos essenciais de forma rápida e eficaz”, diz o parlamentar.

A Prefeitura de Ribeirão Pires ganhou, na quarta (17), dois bebedouros públicos, por meio de parceria com a Sabesp. Os aparelhos foram instalados na Praça dos Expedicionários, situada no Paço Municipal, e no Parque Oriental.

Os equipamentos são feitos de concreto armado, projetado para garantir acessibilidade e com espaço para hidratação de pessoas e também seus animais de estimação.

“Esta é uma ideia simples, viabilizada com a contribuição de instituições parceiras e que está alinhada ao movimento de valorização que estamos fazendo para que os moradores ocupem os espaços públicos de nossa cidade. Agradeço à Sabesp pelo apoio, em nome do presidente da concessionária, André Salcedo, do diretor Roberval Tavares por viabilizar esses dispositivos para a população e com olhar para os pets”, explicou o prefeito de Ribeirão Pires, Guto Volpi.

Luis Felipe Bacci, morador da Vila Suissa que estava passeando no Parque Oriental com seu cachorro, Rick, provou a iniciativa. “Achei muito legal porque tem espaço para garantir a hidratação dos animais. Garantir saúde e conforto para os bichinhos é tão importante quanto aos munícipes”, ressaltou. 

A escolha dos locais e a instalação ficou a cargo da unidade local da Sabesp, em acordo com a Prefeitura. A instalação de novos bebedouros está sendo avaliada.

O pré-candidato a prefeito de Santo André, Eduardo Leite, realizou, nessa semana uma série de encontros com os pré-candidatos e membros da executiva dos partidos que compõem a sua aliança de apoio, PSB, DC e PMB. As reuniões aconteceram, na terça (16), quarta (17) e quinta (18), com o objetivo de criar um fluxo de organização e orientação para os próximos passos do projeto rumo à Prefeitura.

“Nosso projeto cresceu, e seguimos a todo vapor com a nossa pré-candidatura a prefeito. Estamos agora numa nova fase que exige ainda mais organização e fluxo. O DC e o PMB têm sido importantes parceiros do projeto ao lado do PSB”, afirmou Eduardo.

Segundo a coordenação da pré-campanha de Leite, a série de conversas se deu em torno de treinamentos e orientações, inclusive sobre plano de governo, questões jurídicas, de comunicação pré-eleitoral e análise de conjuntura política.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva assinou o Decreto nº 11.997/2024, que otimiza regras e critérios para elaboração do orçamento de referência de obras e serviços de engenharia, contratados e executados com recursos do orçamento da União. O ato foi publicado no Diário Oficial da União, na quarta (17) de abril.

Entre as vantagens, a mudança reduz a burocracia para a retomada de obras paralisadas, facilita os processos para o início de novas obras e permite a utilização dos saldos em conta relativos aos repasses para os municípios, dentro dos contratos firmados anteriormente. O objetivo do governo é retomar a carteira de obras paralisadas herdada e colocar em funcionamento equipamentos que irão melhorar a vida das pessoas e atender à população por meio dos serviços públicos e sociais.

O novo decreto reduz os processos envolvidos nas análises dos projetos e quando a alteração orçamentária for menor que 5% em relação ao valor no orçamento. Além disso, prevê a possibilidade de utilização dos saldos remanescentes para o pagamento de reajustes e reequilíbrio econômico-financeiro.

Durante entrevista, na quarta (17), o ministro da Casa Civil, Rui Costa destacou a importância do decreto. "O país quer gerar emprego, quer gerar renda, quer tocar suas obras e o governo federal tem feito modificações dentro do marco legal para agilizar as ações que irão melhorar a vida das pessoas. Esse decreto é para desburocratizar, por exemplo, obras de escolas, de creches, e facilitar a interlocução com os Estados e os municípios, com o objetivo de tirar empecilhos do caminho", avaliou.

Desta forma, o decreto fomenta a utilização de projetos padronizados pelos Estados e Municípios, desonerando esses entes dos custos e prazos necessários para sua elaboração. A principal mudança refere-se à redução dos prazos de tramitação para as análises dos projetos e dos orçamentos quando os entes adotam os projetos padronizados para a construção de equipamentos sociais.

“Uma obra paralisada ou abandonada, ao longo do tempo, encontra inúmeras dificuldades para ser retomada. Há a necessidade da atualização dos valores, requer complementação no orçamento. As dificuldades são inúmeras e o Governo Federal está buscando agilizar as entregas, respeitando a economicidade e os princípios da administração pública”, destaca o secretário adjunto da Secretaria Especial de Articulação e Monitoramento da Casa Civil, Roberto Garibe.


Pagina 3 de 1909

Main Menu

Main Menu