25 Jun 2018

O Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) abriu, na quinta (21), concorrência internacional para a construção de uma nova ponte sobre o rio Tamanduateí, na avenida dos Estados, na região de Santa Teresinha. A nova travessia ficará na altura do Sesi, nas proximidades da estrutura que precisou ser demolida no ano passado, após sofrer um dano estrutural irreversível.

O objetivo da obra, que será realizada na altura da rua Bartolomeu de Gusmão, é construir uma nova estrutura para atender o trânsito da via, favorecendo pedestres e motoristas no trecho de Santa Teresinha, da avenida do Estados, beneficiando especialmente o tráfego de usuários que desejam retornar sentido Mauá.

 “Hoje publicamos o edital para contratação da ponte de Santa Teresinha, uma obra que era muito aguardada. Agora oficializamos essa concorrência internacional e no dia 23 de julho será a abertura dos envelopes com as propostas. Mais uma conquista da cidade, com recursos próprios da Prefeitura, graças ao choque de gestão que nós fizemos”, afirmou o prefeito Paulo Serra.

O projeto prevê que esta nova ponte do Sesi ficará na direção da rua Bartolomeu de Gusmão e seus acessos cruzarão a praça Samuel de Castro Neves. A passagem terá 26 metros de comprimento, sendo composta por três faixas de rolamento com 3,50 m de largura cada uma. Em uma das laterais haverá ainda uma passagem de pedestres.

Além da ponte, a vencedora da licitação também deverá realizar adaptações no viário do entorno, além da adequação do sistema de micro-drenagem, para o escoamento adequado das águas de chuva. O custo previsto da obra é de cerca de R$ 4,8 milhões.

Contrapartida - Os recursos investidos servirão como contrapartida ao financiamento de US$ 25 milhões do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento) ao município de Santo André, que serão utilizados para execução de um grande projeto de mobilidade na cidade. De acordo com a previsão do Semasa, a obra deve ter início ainda este ano, com previsão de término em seis meses após seu início. A data marcada para a abertura dos envelopes é 23 de julho.

Desde 2017, o Semasa realiza diversas melhorias na avenida dos Estados, sendo que R$ 7,5 milhões foram investidos em serviços e obras na via apenas no ano passado. Entre as principais intervenções estão a construção, em seis meses, de uma ponte na altura do Sam’s Club, a manutenção da alça da rotatória de Santa Teresinha - sentido Mauá, a remodelação da ponte na altura da rua dos Alpes, a reforma de duas passagens ao lado da Craisa, além de obras de contenção das margens do Tamanduateí - na altura da rua dos Alpes, e a melhoria no sistema de drenagem na região de Utinga.

O prefeito de São Bernardo, Orlando Morando, junto ao secretário de Saúde, Geraldo Reple, lançou, na quinta (21), a primeira unidade de saúde com atendimento exclusivo aos idosos: “Cuidadoso”, nas dependências na UBS Rudge Ramos, localizada na Rua Ângela Tomé, 246, no bairro do Rudge Ramos, podendo ser ampliado a demais regiões no futuro.

O bairro de Rudge Ramos é o que apresenta maior número de pessoas com maios de 60 anos em São Bernardo. Estão cadastrados cerca de 3.470 idosos.

O atendimento vai ocorrer por meio de atendimento médico, com um especialista em geriatria, consultas odontológicas e orientações com farmacêuticos e sobre o uso correto de medicamentos. Ao todo a unidade conta com cerca de 60 funcionários.

Além disso, por meio do NASF (Núcleo Ampliado de Saúde da Família), também serão ofertados serviços de fisioterapia e fonoaudiologia, atendimentos com terapeutas ocupacionais, assistentes sociais e atividades físicas, com o auxílio de um educador físico.

 “O Cuidadoso estava no nosso plano de governo e mais uma vez conseguindo tirar a promessa do papel. Aqui os idosos irão receber um atendimento de referência, com profissionais extremamente capacitados”,disse o prefeito.

Já Reple esclareceu que os pacientes serão referenciados pelas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e encaminhados para o Cuidadoso. “Desenvolvemos um questionário para a avaliação dos pacientes, que será aplicado pelos médicos nas UBSs. Os idosos irão responder 17 perguntas. Cada resposta possui uma pontuação. Os pacientes que atingirem 11 pontos ou mais serão referenciados para a nova unidade”, explicou.

Também participaram da cerimônia de inauguração, a secretária de Assistência Social, Laerte Soares, o diretor do Departamento de Atenção Básica, Rodolfo Strufaldi, vereadores da base aliada e demais autoridades, além de pacientes da unidade.

A Braskem recebeu, na quinta (21), o prêmio “Carreira dos Sonhos”, na categoria “Jovens”, após pesquisa realizada com jovens universitários que escolheram a petroquímica como uma das empresas em que sonham trabalhar.

Promovida pela Cia. de Talentos, consultoria voltada à gestão de carreiras, a premiação tem com um de seus objetivos identificar as organizações que mais propiciam o desenvolvimento profissional, e acaba refletindo a expectativa das pessoas de construir uma vida em que o trabalho seja fonte de felicidade e aprendizagem. Em ranking elaborado com base nos resultados deste levantamento, a Braskem foi classificada na 8ª posição.

 “Acreditamos que a evolução da Empresa está diretamente ligada ao desenvolvimento de cada Integrante e em sua expectativa de crescimento profissional dentro da Braskem. Propiciar um ambiente saudável, onde as pessoas podem ser elas mesmas, em que prevaleça a confiança e a autonomia na realização de seus desafios profissionais, e oferecer capacitações que contribuam com o aprimoramento de habilidades são algumas das nossas premissas. É muito satisfatório e estimulante saber que o mercado está reconhecendo isso”, comenta Marcelo Arantes, vice-presidente de Pessoas, Comunicação, Marketing e Desenvolvimento Sustentável da Braskem.

Realizada entre 15 de janeiro e 21 de março, a pesquisa foi respondida por pessoas em diferentes momentos da trajetória profissional, sendo dividida em três categorias: “Jovens” com cerca de 70 mil respondentes; “Média Gestão” (coordenadores e gerentes plenos), com 13 mil respondentes; e “Alta Liderança” (gerentes sênior e presidentes), com 4 mil respondentes.

Segundo os organizadores, aproximadamente 87 mil participantes no Brasil responderam a um questionário online e fizeram entrevistas em profundidade em que era perguntado, entre outras coisas, “qual é o nome da empresa dos seus sonhos?”. A pesquisa, que contou com auditoria da TNS e análise de dados coordenada pela Next View, envolveu metodologia estatística para atribuir pesos diferentes às repostas para que elas representassem ao máximo o universo estudado.

O prêmio “Carreira dos Sonhos” chega em 2018 a sua 17ª edição, sendo realizado em 13 países e impactando mais de quatro milhões de pessoas por ano. Mais informações podem ser encontradas no site http://www.carreiradossonhos.com.br/

Conheça o ranking com as 10 empresas dos sonhos dos jovens:

  1. Google
  2. Nestlé
  3. Ambev
  4. Petrobras
  5. Itaú
  6. PWC
  7. ONU
  8. Braskem
  9. Embraer
  10. Natura

O Ministério da Educação liberou R$ 28.611.947 para universidades, fundação e instituto federal do estado de São Paulo. Os recursos estão previstos no Orçamento 2018, e devem ser utilizados em despesas de custeio, que são aquelas relacionadas ao funcionamento regular das instituições, tais como água, luz, contratos, entre outros. As instituições beneficiadas foram Universidade Federal de São Paulo (UFSP), (Fundalção Universidade Federal de São Carlos) FUFSCar, Universidade Federal do ABC (UFABC) e Instituto Federal de São Paulo (IFSP).


Para todo o país, o MEC liberou um total de R$ 750,9 milhões em limite de empenho para as universidades, institutos e hospitais da rede federal. Desde o início deste ano, a pasta já destinou a essas instituições 70% dos R$ 7,5 bilhões previstos para verbas de custeio, no orçamento de 2018, o que representa um valor acumulado de mais de R$ 5,2 bilhões. O anúncio foi feito durante uma reunião entre o ministro da Educação, Rossieli Soares, e representantes da Associação Nacional dos Dirigentes das Universidades Federais de Ensino Superior (Andifes) e da Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif).

“A liberação de custeio para as instituições é muito importante para as universidades e para o próprio MEC. Não era feita anteriormente, mas desde 2016 estamos cumprindo”, disse o ministro. “Os 70% do valor total do ano, ainda em junho, dá condições para que elas e os institutos federais consigam fazer tudo aquilo que é necessário para um bom funcionamento. Este é o melhor que nós temos, em anos, em relação à liberação de custeio”, reforçou Rossieli Soares.

Do total liberado, R$ 523,8 milhões serão destinados às universidades federais, R$ 221,8 milhões às instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, e R$ 5,2 milhões aos hospitais universitários federais. Os recursos devem ser utilizados nas denominadas despesas de custeio, que são aquelas relacionadas ao funcionamento regular das instituições, tais como água, luz e contratos, entre outros. Desde 2016, o Ministério da Educação tem liberado 100% dos recursos de custeio previstos no orçamento das universidades e instituições federais. Dos 70% que já foram liberados neste ano, R$ 3,6 bilhões foram destinados às universidades, R$ 1,5 bilhão para os institutos e R$ 39,8 milhões para os hospitais universitários.

O reitor da Universidade Federal do Pará (UFPA) e presidente da Andifes, Emmanuel Tourinho, avaliou que é fundamental que exista a previsibilidade na liberação dos recursos orçamentários para cumprir os compromissos das instituições. “Esse esforço, que vem sendo feito pelo MEC para antecipar e garantir que as universidades possam usar os recursos, é de extrema importância. Estamos avançando nessas liberações de custeio e temos a expectativa de fazer o mesmo em relação às verbas de capital, de modo que possamos executar o planejamento com o melhor aproveitamento possível”, completou.

Já o presidente do Conif, Roberto Gil, afirmou que a reunião foi positiva. “Hoje tivemos boas notícias do ministro e debatemos algumas preocupações que temos quanto à questão do nosso funcionamento. Então, a liberação dos 10% para o custeio, nesse momento, é importantíssima”, completou.

A Europa esbanja charme, requinte e glamour. Em seus muitos anos de história, o Velho Continente se tornou referência no que diz respeito à pluralidade de culturas, cores e sabores. E quando o assunto é gastronomia, uma coisa é certa: todos os países oferecem experiências inesquecíveis à mesa. Quem nunca ouviu falar do chá das 5? O famoso costume britânico pode – e deve - ser vivenciado de sua forma mais original em uma passagem por Londres.

No aconchegante The Arch London, hotel boutique situado em uma área tranquila, a duas quadras do famoso Hyde Park e da região de Mayfair, a tradicional bebida inglesa é servida em louças finas, ao estilo da realeza, acompanhada de clássicos da gastronomia local, como petit fours de queijo Stilton, parfait de fígado de frango com chutney de figo e a english eton mess, sobremesa de morangos com creme e suspiro.

Também localizada no empreendimento, a charmosa brasserie Hunter 486, brinda os visitantes e os locais, que frequentam a casa e dão a ela um clima divertido e interessante, com um menu de preços acessíveis composto por deliciosos pratos que privilegiam ingredientes orgânicos e produtos locais. O The Arch London abriga ainda o The Bar, perfeito para apreciar uma bebida personalizada em meio a uma atmosfera vibrante, e o sofisticado Le Salon de Champagne. O espaço é uma opção interessante para uma taça de Champagne antes da refeição noturna ou para bons momentos ao lado da família ou amigos.

Já em Portugal, mais precisamente na vila de Cascais, uma região surpreendente e que traz em cada detalhe os costumes de seu povo, o requintado Farol Hotel – que apresenta um projeto arquitetônico imponente do século 19 – leva seus hóspedes a um tour espetacular de sabores. Em seus domínios está o The Mix, onde predominam os sabores mediterrâneos de pratos que têm por base ingredientes frescos e sazonais. Com uma vista de tirar o fôlego do Atlântico, é possível degustar o menu executivo de almoço, opções à la carte e ainda o cardápio Creative Cuisine, disponível duas sextas-feiras por mês, no qual o chef Ricardo Deus apresenta criativas iguarias feitas a partir de produtos adquiridos no mercado local. Estão no menu delícias como bacalhau confitado servido com textura de ervilha, abóbora salteada com hortelã, telha de broa e azeitona, e polvo grelhado com migas de broa e feijão careto, batata ao murro, purê de alho e jus (caldo) de chouriço.

Sempre focado em sua excelência à mesa, o empreendimento contratou neste ano Michael Rocha, chef confeiteiro renomado, que criou uma série de delícias para o hotel com base nas tradições culinárias de Portugal. Entre elas, o parfait de chocolate de São Tomé e o mousse de chá verde e citrinos com texturas de sésamo preto e wasabi.

Os fãs da cozinha japonesa podem equilibrar os sabores da Europa com os suculentos sushis e sashimis concebidos pelas mãos do Sushi Master brasileiro – e carioca - Nuande Pekel, no Sushi Design, também localizado no Farol Hotel. No cardápio se destacam opções saborosas e leves como o tartar de atum, ceviche japonês com polvo, que leva salmão, atum, peixe branco e polvo marinado com especiarias e laranja, e o temaki de enguia e pepino, entre outras. Para uma bebida antes do jantar, perfeita para aguçar o apetite, o sofisticado Bar Farol oferece drinques ao som de música relaxante.

Uma vez na Suíça não há como não sonhar acordado com sua cozinha, marcada por queijos maravilhosos e combinações deliciosas. No inverno, uma das estações de esqui mais badaladas dos Alpes Suíços e durante a primavera e o verão um destino único para a prática do golfe, a região de Crans-Montana, onde se encontra o Guarda Golf Hotel & Residences, conta com uma gastronomia digna de nota.

Fondues e raclettes colocam a alta qualidade do queijo suíço como a protagonista dos cardápios dos vários restaurantes do resort de esqui durante as estações mais frias - a influência francesa na região é inegável. Sem falar é claro dos chocolates, outra delícia onipresente no país. No Guarda Golf, a culinária que privilegia peixes e criações orientais também chama a atenção e pode ser muito bem aproveitada e degustada em seu restaurante principal, Mizuki by Kakinuma, filial de um dos mais renomados de Genebra e que leva os sabores do Japão para este pedacinho da Europa. Trata-se de um verdadeiro oásis da alta gastronomia japonesa, oferecendo aos habitantes e visitantes peixes fresquíssimos servidos em menus degustação e em um variado cardápio de iguarias preparadas pelo sr. Kakinuma e sua equipe.

Mais informações podem ser obtidas em www.thearchlondon.com, www.farol.com.pt e www.guardagolf.com. Os hotéis são representados no Brasil pela Key Partners (www.keypartners.com.br), de Sylvia Leimann.

Santo André segue com saldo positivo de criação de empregos neste ano, de acordo com dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), do Ministério do Trabalho e Emprego. No consolidado dos cinco primeiros meses de 2018, o saldo é de 164 vagas, que é a diferença entre contratações e demissões no período.

Outro dado significativo é o aumento de oportunidades no setor industrial. De acordo com pesquisa feita pela Fiesp e Ciesp (Federação e Centro das Indústrias do Estado de São Paulo), a diretoria do CIESP Santo André (que engloba ainda Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra), criou 250 vagas na indústria no mês de maio.

 “Nosso trabalho em busca de criação de empregos para Santo André segue sendo feito diariamente,  para que a cidade volte aos trilhos de uma melhor economia, e consequentemente com crescimento nas demais áreas. O resultado está cada vez mais claro, consolidando Santo André como um grande gerador de oportunidades”, destacou o prefeito Paulo Serra.

Novo empreendimento - Confirmando a retomada da economia da cidade, Santo André ganhou mais um novo estabelecimento na quinta (21). Um grande hortifruti foi inaugurado no cruzamento da rua das Figueiras com a avenida Prestes Maia. Cerca de 200 empregos, entre diretos e indiretos, foram criados com o novo espaço, que soma 2,6 mil m² de área e que tem a perpectiva de atender 2,5 mil clientes por dia.

 “Estamos reinserindo Santo André como um destino atrativo para os investidores, a partir de um choque de gestão que recuperou o crédito da cidade e voltou a impulsionar o crescimento econômico. Voltamos a ser protagonistas no cenário econômico nacional, atraindo novos empreendimentos e gerando emprego e renda para a nossa gente”, finalizou o prefeito.


Visite-nos no Facebook

Main Menu

Main Menu