09 Dec 2021


Sto.André receberá R$ 27 mi do governo federal para Pq.Tecnológico

Publicado em Negócios
Avalie este item
(0 votos)

O Centro de Inovação, Tecnologia e Empreendedorismo (Cite), que dará a dimensão física ao Parque Tecnológico de Santo André, enfim, sairá do papel. A largada para a concretização do projeto, que prevê área construída de 7 mil metros quadrados, foi dada na quinta (21), com a assinatura simbólica, pelo prefeito Paulo Serra, do contrato de liberação de recursos para obra.

 “Agora daremos início ao processo de licitação, para que no começo do ano que vem seja possível começar a obra que vai restaurar e adequar o prédio da Rhodia Química para abrigar o Cite. A estimativa é que no final do ano que vem a obra esteja concluída”, disse o prefeito.

Serão investidos R$ 27 milhões no Cite, provenientes do Ministério do Desenvolvimento Regional, disponibilizados por meio da Caixa Econômica Federal, somados a R$ 2 milhões de contrapartida da Prefeitura.

Localizado no prédio da antiga Rhodia Química, na avenida dos Estados, que será totalmente reformado e readequado à nova função, o Centro de Inovação, Tecnologia e Empreendedorismo terá área para exposições, eventos, apresentações, espaços para instituições parceiras e para treinamentos no piso térreo e, no piso superior, contará com salas integradas para reuniões, apoio administrativo, coworking, cobusiness, entre outras atividades.       

O Cite será mais um instrumento que materializará o objetivo do Parque Tecnológico de Santo André: operar em rede para a promoção do desenvolvimento econômico e geração de riqueza através de um esforço coletivo, somado, integrando todas as forças do ecossistema de inovação do município.

“Esse será um grande espaço para o fomento e ao estímulo no nosso ecossistema de inovação do ABC. Aqui contribuiremos e promoveremos o avanço empresarial, educacional, científico e tecnológico de toda Santo André e da região. Se governos, indústrias, universidades, empreendedores e poder público não estiverem juntos, esse desenvolvimento não é capaz de ocorrer”, acrescentou o secretário de Desenvolvimento e Geração de Emprego, Evandro Banzato.

Parque Tecnológico - O Parque Tecnológico de Santo André é uma rede com governança estabelecida envolvendo a Prefeitura, entidades representativas da sociedade e universidades, faculdades, escolas técnicas e centros de pesquisa. Juntos, esses segmentos atuam em rede para o desenvolvimento tecnológico, promoção da inovação e da competitividade na região.

A partir do Parque Tecnológico e sua rede, as empresas e a sociedade em geral conseguem acessar uma ampla infraestrutura e serviços estabelecidos e em constante evolução para o desenvolvimento de iniciativas que promovam a inovação e a competitividade.    

“Por conta dessas iniciativas de aproximar as grandes empresas das startups e dos agentes distribuídos nas universidades, o Parque Tecnológico já registrou, somente este ano, R$ 7 milhões em projetos submetidos aos órgãos de fomento e caminha para alcançar os R$ 10 milhões nos próximos meses”, disse o diretor do Parque Tecnológico, Ricardo Magnani.

Além do objetivo de atração de investimentos e de novas empresas para o município, o Parque Tecnológico de Santo André também tem como grande missão ampliar o suporte ao desenvolvimento tecnológico das empresas da cidade, para que aumentem seus níveis de competitividade e com isto possam fortalecer seu posicionamento no mercado local, nacional e mundial, conforme seus objetivos estratégicos.

 

Última modificação em Sexta, 22 Outubro 2021 08:30
Folha Do ABC

A FOLHA DO ABC traz o melhor conteúdo noticioso, sempre colocando o ABC em 1º lugar. É o jornal de maior credibilidade da região
Nossa publicação traz uma cobertura completa de tudo o que acontece na região do ABCDM.

Destaques

Main Menu

Main Menu